Aprenda a negativar um cliente devedor

Aprender como realizar a negativação de um cliente devedor é essencial para manter a saúde financeira do seu negócio, pois trata-se de outra tentativa de cobrar o valor que o cliente deve.

Negativação devedor

Além de aceitar a necessidade da negativação, será necessário aprender a negativar o nome do cliente em questão, a fim de ter em mãos o que é da sua empresa por direito.

Por isso, se você utilizou todas as estratégias de cobrança e mesmo assim não recebeu seu pagamento, preparamos um passo a passo de como negativar um cliente no SPC e incluir seu nome no SERASA, para facilitar essa tarefa, nem um pouco agradável, para você.

A inadimplência, no Brasil, alcança números gigantescos. Segundo o SPC, no último ano, mais de 48% dos consumidores brasileiros ficaram com o nome sujo no país. O problema parece estar longe do fim e, mesmo dando pena concluir que um cliente devedor entrará nessa estatística, algumas vezes, é a única solução.

Como diminuir a inadimplência?

Aprender a diminuir o índice de inadimplência do seu negócio é tão importante quanto aprender a negativar um cliente devedor. Senão mais importante. Aliás, aplicar habilidades e estratégias de negociação é necessário antes de sair negativando clientes morosos.

Diminuir a porcentagem de pagamentos atrasados está diretamente ligado a cobrar o cliente regularmente, enviando lembretes de cobrança antes, durante e depois da data de vencimento do pagamento. De modo educado e, de preferência, automatizado.

Automatizar as cobranças do seu negócio faz com que os clientes inadimplentes sejam cobrados constantemente e de modo impessoal, ou seja, o devedor é lembrado da dívida e não associa sentimentos ruins à sua marca.

Receber pagamentos atrasados dentro de um prazo tolerável também implica facilitar o processo de negociação, oferecendo alternativas possíveis para que a dívida seja quitada. Se nada disso funcionar, é hora de aplicar uma estratégia mais séria: negativar o cliente devedor.

Como negativar um cliente devedor?

Antes de tudo, é preciso distinguir os tipos de cobranças, afinal, a maneira de negativar um cliente que comprou no cartão de crédito é diferente de negativá-lo quando a compra foi realizada no boleto bancário, por exemplo.

A negativação do cliente que comprou com cartão de crédito é simples, afinal de contas, não é você que realiza a negativação e sim a instituição bancária do consumidor. Ou seja, a sua empresa receberá, normalmente, seus pagamentos, enquanto o banco se encarregará de protestar a dívida.

Para negativar o cliente devedor que comprou ou contratou o seu serviço através do boleto bancário ou carnê, basta seguir o passo a passo das regras para negativar o nome dele, como colocamos abaixo:

  1. Tenha o nome completo, RG, CPF, endereço e telefone do seu cliente na sua base de dados.
  2. Anote as informações do produto vendido ou do serviço prestado neste mesmo cadastro. São informações convenientes: valor e data da compra, data de vencimento, valor da multa e juros.
  3. Guarde boletos e carnês gerados com os dados da empresa e do cliente registrados.
  4. Comece o processo de negativação no cartório, no SPC ou SERASA somente depois de tentar negociar diretamente com o cliente e, se não obter sucesso, depois de 30 dias de tentativa dê início ao processo.
  5. Acesse o SPC ou SERASA através do cartório ou da Câmara de Dirigentes Lojistas da cidade onde sua empresa está localizada.
  6. Insira os dados do cliente inadimplente, forneça os documentos solicitados e faça a negativação.

Além disso, é importante ressaltar que cada cidade, cartório e estado possuem suas exigências. Por exemplo, para protestar um boleto diretamente no cartório, de modo geral, é preciso apresentar também uma nota fiscal ou uma promissória.

Por isso, entre em contato com o cartório ou Câmara de Dirigentes Lojistas, o CDL, da sua cidade e confira se não há outra especificidade que não citamos, ok?

O que fazer quando o pagamento for efetivado?

Quando o processo de negativação estiver em curso e a empresa receber, por fim, seu pagamento, é sua obrigação retirar, imediatamente, o cliente do SPC ou SERASA.

Inclusive, a empresa tem o prazo de cinco dias úteis para realizar a mudança, correndo o risco de ser multada e, até mesmo, processada caso a retirada do nome negativado não ocorra. Por isso, é imprescindível enfatizar esses detalhes ao setor responsável pelas cobranças da empresa.

Além disso, seja atencioso e educado em dose dupla com toda essa situação de inadimplência e negativação. Não é seu papel julgar o cliente devedor. Lembre-se: ninguém quer ser negativado e ficar com o nome sujo, ok? Imprevistos acontecem!

O que você achou do post?

2 Respostas

Deixe seu comentário