Frases para quem deve e não paga: acerte na cobrança!

O que um empreendedor precisa ter em mente ao pensar em frases para quem deve e não paga? Veja como construir e direcionar esse diálogo, saiba exatamente o que dizer para um mau pagador e descubra a melhor maneira de se livrar desse problema.

Frases para quem deve e não paga

Existem algumas frases para quem deve e não paga que você pode, sim, usar nas suas cobranças, mesmo naquelas feitas por e-mail ou mensagem.

Não importa o formato da cobrança, é importante lembrar de evitar erros de português, ter muita educação e cordialidade e ir direto ao assunto.

Mas antes de ter na ponta da língua o que falar para mau pagadores, certifique-se de que você está conversando com a pessoa certa: confirme sua identidade para depois iniciar a cobrança.

Como cobrar alguém que me deve dinheiro?

Se não souber como encaminhar a conversa, lembre-se que você conhece seus clientes melhor do que ninguém. Então, pergunte a si mesmo: “como cobrar alguém que me deve dinheiro?”.

Tenha assertividade ao falar ou escrever e use expressões-chave e frases-coringa para cobrar clientes. Algumas sugestões:

  • Não identifiquei o pagamento (...)
  • Existe um valor em aberto (...)
  • Notei uma pendência no seu cadastro (...)
  • O vencimento da conta ou boleto seria em DD/MM/AA (...)

Nessa parte da conversa, demonstre preocupação com a situação de quem deve dinheiro a você. Pergunte se alguma coisa aconteceu, se você pode ajudar de alguma forma ou se houve algum imprevisto impedindo o pagamento do valor devido.

Acha que cabe um elogio? Não hesite em usar dessa artimanha também. Diga à pessoa que ela está entre os melhores clientes da sua empresa e por isso você a procurou para perguntar sobre o pagamento em atraso.

“Você é um dos nossos melhores clientes e estamos à sua disposição. Inclusive gostaríamos de saber se algo aconteceu (...)”.

Experimente ainda oferecer uma promoção imperdível, ressaltando que a compra só poderá ser concluída quando os débitos pendentes estiverem acertados.

“Achei essas ofertas a sua cara, mas pesquisei seu cadastro em nosso sistema e vi que temos uma conta em aberto (...)”.

Repasse informações sobre o pagamento

Depois de iniciar a cobrança, usando modelos de mensagens de cobrança ou criando suas próprias frases, de forma bem objetiva, repasse as informações cruciais para que a dívida seja quitada. Você deve informar ao devedor:

  • valor total do pagamento, incluindo juros e multas;
  • data limite para o acerto da conta; e
  • código de barras para pagamento, número da conta bancária, chave PIX ou informações necessárias para a realização do pagamento.

Preze pela transparência e pelo profissionalismo e, de maneira nenhuma, oculte informações do seu cliente: deixe muito claro tudo o que pode acontecer, inclusive as providências que serão tomadas caso a dívida permaneça.

Ebook conquistando a inadimplência zero

eBook enviado com sucesso!

Acesse seu e-mail para ler o eBook e fazer seus clientes pagarem em dia.

Quando a cobrança cordial não surtir efeito...

Mantenha toda a compostura, mas experimente buscar frases mais pessoais e até emocionais para quando precisar convencer o cliente de efetuar o pagamento.

Fale sempre com cordialidade, para convencer o cliente a pagar uma dívida, comece ou retome o assunto usando ganchos como esses:

  • “Você se lembra daquela vez em que comprou aqui?”
  • “Me ajude a lembrar: nós estamos com as contas em dia?”

Posso processar alguém que me deve dinheiro?

A resposta é sim! Você pode processar alguém que lhe deve dinheiro, mas o recomendado é tomar algumas providências extrajudiciais antes disso.

Se o pagamento continuar pendente depois de tanta conversa, a dica é tentar negociar ou oferecer um plano de parcelamento da dívida, assim como novos prazos para o acerto.

O próximo passo será notificar a pessoa inadimplente por carta de cobrança, preferencialmente registrada com um Aviso de Recebimento (AR) dos Correios. Mesmo que isso pareça ultrapassado, a carta e principalmente a notificação de que ela foi recebida podem ser importantes documentos oficiais para futuras etapas da cobrança.

Outra opção é ir a um cartório de protesto formalizar o pedido de pagamento da dívida.

Já para cobrar um devedor na justiça, é preciso ter em mãos o máximo possível de provas de que a venda realmente aconteceu, mas o pagamento não. O suporte de um especialista no assunto também pode ser necessário.

Não se preocupe mais com inadimplência

Adotar uma plataforma que auxilie no controle financeiro da sua empresa pode ser a melhor saída para evitar a inadimplência de clientes.

Quando você automatiza suas cobranças através dessas plataformas, consegue reduzir ou até mesmo eliminar as dívidas dos consumidores. De quebra, a sua empresa passa a ser vista como uma marca completamente profissional e séria, o que ajuda a conquistar novos clientes e fidelizar os antigos e bons pagadores.

Além disso, existem ferramentas mais inovadoras e simplificadas que permitem ao gestor escolher como ele prefere receber o pagamento de cada pessoa que vai comprar seus produtos ou serviços. Já conhece as soluções da Cobre Fácil?

O que você achou do post?

0 Respostas

Deixe seu comentário