Sacador Avalista: o que é e qual sua função no boleto?

É preciso garantir a segurança da emissão de boletos e uma das informações que garante é o sacador avalista no boleto. Você sabe o que é e qual a sua função?

Sacador avalista boleto

Um boleto bancário é uma excelente forma de pagamento que você pode oferecer aos seus clientes, especialmente se deseja atingir uma parcela (que é bem grande!) da população consumidora que não possui conta bancária e nem cartão de crédito.

Quando o seu cliente não possui conta em banco, dentre outros entraves, é possível que ele não tenha cartão de crédito, por exemplo, e é nesse momento que o boleto se torna tão importante, já que ainda assim ele poderá finalizar a compra com você ou sua empresa.

Contudo, é preciso que o boleto bancário seja seguro, a fim de garantir a segurança dos dados tanto da sua empresa, quanto do seu cliente.

Por isso mesmo é que existem tantas nomenclaturas e códigos de segurança na elaboração de um desses documentos, e o sacador avalista do boleto é uma dessas informações.

Além de dados como nome completo e demais informações do seu cliente, código de barras e informações sobre o banco ou plataforma intermediadora de pagamentos, a segurança de um boleto, para evitar fraudes, precisa ser garantida.

Assim, você não fica sem receber e nem o seu cliente corre algum risco. Nesse artigo, vamos entender melhor sobre o que é e qual a função do sacador avalista para garantir essa segurança e eficácia da forma de pagamentos que é o boleto.

O que é sacador avalista no boleto

Sacador avalista é o nome da empresa que realizou a venda responsável pela emissão do boleto, caso o cedente seja um banco ou a intermediadora de pagamentos dessa empresa.

Achou confuso? Calma, vamos por partes!

Há algumas informações em todos os boletos e é preciso entendê-las, de modo que que você - seja um cliente ou um empresário - possa ficar tranquilo em relação a eles.

Confira alguns dos dados que constam em todos os boletos:

  • Sacado: é a pessoa que deve efetuar o pagamento do boleto, ou seja, o cliente;
  • Cedente ou beneficiário: é a empresa que vendeu um produto ou serviço e é, portanto, o responsável pela emissão do boleto que, como já falamos, pode ser feito por meio do banco em que essa empresa tem conta ou de uma intermediadora de pagamentos, como a Cobre Fácil; e
  • Código de barras.

Mas e o sacador avalista, o que é? Para resumir, o beneficiário, sacador avalista e o pagador são pessoas diferentes no documento.

No campo do beneficiário, nos casos em que a empresa utiliza um banco ou intermediadora de pagamentos, pode aparecer o nome dessa instituição financeira e, quando isso ocorrer, o nome da empresa que vendeu o produto ou serviço constará no campo do sacador avalista, para que o pagador (sacado) o identifique.

Assim, o sacador avalista é quem, de fato, receberá o valor da compra, pago pelo cliente e esse campo estará preenchido nos boletos em que houve essa terceirização, entre a empresa que realizou a venda e quem emitiu o boleto dessa venda (banco ou plataforma, por exemplo).

Se você tem interesse em passar a oferecer boletos como forma de pagamento para os seus clientes, acesse o site da Cobre Fácil, plataforma de pagamentos cuja taxa de emissão só é paga por você quando e se você receber do seu cliente.

Atingir um público que não trabalha com cartão de crédito ou sequer possui conta em banco é fundamental para que você consiga aumentar o faturamento da sua empresa e, melhor ainda, fazendo isso de maneira segura e garantindo com que todos os protocolos de segurança, na emissão dos documentos, sejam cumpridos.

O que você achou do post?

3 Respostas

Deixe seu comentário