Segunda via de Nota Fiscal: como conseguir e gerar

Perdeu uma nota fiscal importante? A solução é simples e muitas vezes tudo pode ser resolvido em alguns minutos pela internet. Saiba como neste artigo.

Segunda via nota fiscal

Emitir uma segunda via de nota fiscal pela internet é um procedimento bem simples que pode ser feito em alguns minutos. Você só vai precisar dos 44 dígitos da nota original, que podem ser encontradas por meio de um Documento Auxiliar da Nota Fiscal Eletrônica (DANFE), emitido junto com a mercadoria.

Essa é a maneira mais comum de solicitar segunda via de nota fiscal e pode ser feita pelo próprio consumidor. Em outras ocasiões, é preciso solicitar ao vendedor uma nova via do documento.

Mas fique tranquilo, pois neste artigo, explicamos a você o passo a passo de como emitir segunda via de nota fiscal, seja ela eletrônica ou física.

Vem com a gente!

Como conseguir segunda via de nota fiscal

Há duas formas de conseguir: caso a nota emitida tenha sido a eletrônica (NF-e), é possível utilizar o DANFE para ter acesso aos 44 dígitos requeridos pela Secretaria da Fazenda (SEFAZ) para gerar a segunda via da nota fiscal eletrônica, como já mencionamos.

Já para notas fiscais físicas, emitidas por lojas ou outros estabelecimentos comerciais e de prestação de serviços e que não utilizem a NF-e, será necessário pedir por uma segunda via no local - que deve manter os registros da compra por 5 anos.

Isso porque o artigo 174, do Código Tributário Nacional, considera extinto o crédito tributário apenas 5 anos após o lançamento da saída de um produto. Portanto, o comércio deve manter os registros, nem que seja por meio de arquivos XML no computador.

Aliás, os arquivos XML são o formato no qual as notas fiscais são salvas e, caso você emita uma segunda via da nota fiscal eletrônica, é esse tipo de arquivo que você fará o download.

Vale ressaltar que, como a versão física da nota, o arquivo XML também tem validade jurídica.

Veja também:
Como emitir nota fiscal avulsa
Passo a passo de como emitir nota fiscal eletrônica
Tipos de nota fiscais: lista completa 2021

Como gerar a segunda via de nota fiscal eletrônica

Voltando às Notas Fiscais Eletrônicas (NF-e): ao contrário do que muita gente pensa, o documento que acompanha as encomendas de produtos feitos pela internet (aquele envelopinho que vem anexado à embalagem) não é a nota em si.

Nas compras realizadas pela internet, ela geralmente é enviada por e-mail pela empresa após o faturamento da venda. Esse é o arquivo que você deve guardar como comprovação fiscal.

O documento que vem junto à compra é o Documento Auxiliar da Nota Fiscal Eletrônica (DANFE), que serve para dar informações complementares sobre a transação, como o código de 44 dígitos necessário para gerar a segunda via da nota fiscal eletrônica, no caso de você precisar de uma.

Então se você precisar solicitar a segunda via de uma nota fiscal pela internet, basta anotar os 44 dígitos informados pela DANFE e acessar o site da Nota Fiscal Eletrônica.

Os próximos passos são: informar os dígitos, marcar a opção “Não sou um robô” e continuar.

Em seguida, você verá o novo documento contendo todos os dados da compra, além de abas clicáveis para navegação, em que você encontra novos dados sobre a compra, como informações sobre o emitente, cobranças e transporte.

Para imprimir ou salvar, basta clicar em “Preparar para impressão” ao fim da página.

Depois, clique no ícone da impressora e, na aba de impressão, selecione como Destino “Salvar como PDF”. Dessa forma, o arquivo não será impresso, mas sim salvo no seu computador, ok?

A operação dura apenas alguns minutos e quase tudo pode ser resolvido diretamente pela internet.

Aliás, algumas plataformas de soluções financeiras podem emitir as notas fiscais novamente de forma rápida e prática para empreendedores que querem oferecer essa solução aos seus clientes.

O que você achou do post?

0 Respostas

Deixe seu comentário