Veja como é possível emitir um Boleto como pessoa física

Se você está começando um negócio e quer implementar o boleto bancário como forma de cobrança, descubra como é possível gerar boletos de forma simples, sem possuir um CNPJ.

Emitir boleto pessoa fisica

Se você está começando agora com o seu negócio e quer fazer um teste de mercado, antes de abrir um CNPJ, fique tranquilo: o boleto poderá fazer parte da forma de pagamento da sua empresa.

É possível emitir boleto como pessoa física de duas maneiras, através do banco ou de um intermediador de cobrança.

Oferecer mais de uma forma de pagamento para seus clientes é muito importante, por isso, nesse post você descobrirá como emitir boleto sendo pessoa física.

Emissão de boleto através de agência bancária

Para começar a emitir os boletos, você deverá procurar um banco que aceite fazer uma carteira de cobrança sem que você tenha um CNPJ - mas nem todos oferecem essa opção.

Por meio dessa escolha, os boletos emitidos serão registrados e salvos em um arquivo de remessa, tornando possível com que o banco tenha acesso a todas as informações necessárias para manter o controle do pagamento dos boletos e dados, como CPF, nome, valores e datas de emissão e vencimento.

Normalmente, isso tem um custo e, além da taxa de emissão, pode haver cobranças adicionais por manutenção da conta, alteração nos boletos e dados cadastrais.

Para entender se vale a pena para o seu modelo de negócios, é preciso pesquisar as taxas oferecidas pelos bancos que despertaram o seu interesse.

É importante fazer as contas: sua previsão de faturamento e quanto dele o custo com banco irá representar. Só assim, será possível avaliar a viabilidade de trabalhar desta maneira.

Emissão através de uma plataforma de cobranças

Uma maneira prática, simples e com custo bem reduzido para emitir boletos é através da contratação de um sistema de plataformas de cobrança online. Assim como no banco, os boletos também são registrados, ou seja, são tão seguros quanto.

Além de conseguir gerar boletos bancários através do seu CPF, como pessoa física, você consegue atender os seus clientes com uma forma a mais de efetuarem o pagamento das vendas feitas para eles.

Isso aumentará a credibilidade da empresa e haverá aumento no número de clientes que possam demonstrar interesse no seu produto - sem os custos e burocracias bancários.

Emitindo boleto bancário online como pessoa física

Na dúvida de como emitir boleto de cobrança como pessoa física online, podemos exemplificar aqui, na própria Cobre Fácil, como isso é possível.

Ao criar o seu cadastro, ao invés de cadastrar um CNPJ (de pessoa jurídica), você insere o seu CPF e cria uma conta como pessoa física. A partir de então, já pode gerar boletos avulsos, carnês ou mensalidades.

Os boletos gerados podem ser impressos ou encaminhados, automaticamente, via e-mail para os seus clientes. Um detalhe interessante é a possibilidade de você estipular com quantos dias de antecedência, em relação ao vencimento, o boleto será enviado ao cliente.

E mais: caso o boleto vença e não tenha sido pago, o sistema da Cobre Fácil continua lembrando o cliente sobre sua dívida, através do envio de mensagens de cobrança, tanto por e-mail quanto por SMS, o que garante menores índices de inadimplência e mais segurança financeira para o seu negócio.

A plataforma também possui toda a gestão de recebíveis, relatórios dos clientes em aberto ou inadimplentes.

Do mesmo modo, disponibiliza o acesso ao histórico de faturas, onde o cobrador conseguirá ver se o cliente recebeu e visualizou o e-mail de cobrança. É uma maneira de entender melhor, por exemplo, a ausência de algum pagamento.

Se você tem interesse em conhecer melhor a plataforma online de cobrança e gerenciadora de pagamento, contate-nos para que possamos responder todas as suas dúvidas e ajudar no crescimento do seu empreendimento.

O que você achou do post?

0 Respostas

Deixe seu comentário