Qual modelo de boleto bancário é ideal para cobranças

Já pensou em quais tipos de recebimento você oferta para os seus clientes? Quanto mais variedade, mais chances de venda. Conheça os modelos de cobrança que o boleto bancário pode oferecer

Modelo boleto bancário

Quando oferecemos um serviço ou vendemos um produto, devemos também conhecer diversas formas de cobrança, como os modelos de boletos bancários disponíveis, para ofertá-los para os clientes, aumentando seu lucro.

Hoje, existem três formas de cobrança mais utilizadas: dinheiro, cartão e boleto. Essa tríade é indispensável não somente para vender mais, mas também pode ser responsável por certificar um recebimento.

O dinheiro se encaixa melhor para quem oferece serviços em ambientes físicos e é certamente a melhor forma para receber, pois não exige taxas e você recebe o valor na hora.

O cartão de crédito é atualmente um dos modos de pagamento de compras mais comuns, mas, ao oferecer esse tipo de cobrança, uma taxa é cobrada do seu negócio pelo uso das bandeiras adquiridas e essa parte do valor da venda fica para a operadora do cartão.

O boleto bancário faz sucesso no mercado há um tempo e não caiu da moda desde que o cartão começou a se popularizar. Isso acontece porque, em média, 30% da população não possui vínculo com bancos, necessitando pagar suas compras através de boletos, sejam eles avulsos, recorrentes ou carnês.

E já que tocamos no assunto, você conhece os modelos de cobrança de boletos bancários e quais as vantagens de cada um? Eles são distribuídos em três tipos que apresentam características particulares e uma delas pode ser a ideal para o seu negócio.

3 tipos de boletos bancários para cobrar clientes

Se você tem um pequeno negócio e quer pagar taxas reduzidas, sabia que o boleto pode oferecer mais de um tipo de pagamento? Conheça o modelo de boleto bancário que melhor satisfaz as necessidades do seu negócio.

1.  Boleto avulso

O boleto avulso é utilizado para pagamentos à vista, ou seja, a sua cobrança é única. É perfeito para todos os tipos de negócios e serviços prestados que não necessitam de pagamentos recorrentes.

Mesmo sendo um tipo de pagamento à vista, o seu atraso pode gerar multas, aumentando o seu valor final acordado. Por isso é muito seguro utilizá-lo nos negócios e o recebimento é garantido.

2.  Boleto em carnê

Pode ser para pagar uma compra de alto valor ou um serviço mensal, sendo ótimo para pequenas empresas que desejam oferecer o parcelamento para pessoas que não possuem vínculos em bancos.

Simples assim, o carnê é a forma parcelada de receber através do boleto. Geralmente, são emitidos 12 documentos correspondentes a um ano de pagamento em forma de carnê, com todos os débitos até a quitação da compra.

3.  Boleto recorrente

Já a cobrança recorrente é aquele gerado de forma automática durante um período acordado entre o consumidor e o vendedor, podendo ser este bimestral, semestral ou anual.

A cobrança é automática, ou seja, tem seu envio agendado com os endereços cadastrados e os vencimentos e valores combinados no dia da compra. É perfeito para a oferta de serviços de assinaturas.

Como emitir boleto bancário na minha empresa?

Além da emissão de boleto através de instituições bancárias, hoje, facilmente encontramos plataformas de gerenciamento de cobranças, que oferecem praticidade, segurança e as taxas mais reduzidas do mercado.

Para isso, basta encontrar a plataforma ideal, realizar o seu cadastro, adicionar os dados do beneficiário (quem recebe) e começar a emitir boletos, controlar todos os recebimentos e gerar relatórios que tornam a gestão financeira mais eficiente.

Mas, caso você queira possuir um vínculo com banco, é importante ir até a agência de sua escolha realizar o cadastro e procurar saber de todas as taxas de cobranças, ok?

Como escolher o melhor modelo de cobrança para o negócio?

Agora, você precisa analisar o seu produto. O que você tem para oferecer para o cliente? Qual é o seu público e a forma de pagamento que seus consumidores mais utilizam ou pedem para estar presente no seu negócio?

Para vender mais, você precisa variar os modelos de cobrança, flexibilizando os seus tipos e, consequentemente, aumentando o lucro.

O boleto certamente será uma vantagem para o negócio, visto que possibilita diversas formas de pagamento, à vista, parcelado e recorrente e atingindo todas as classes de consumidores.

O que você achou do post?

1 Resposta

Deixe seu comentário