7 plataformas para criar um Clube de Assinatura e como criá-lo

Quer oferecer a comodidade e a surpresa de entregar itens exclusivos para seus clientes? Saiba qual plataforma para clube de assinaturas usar.

Plataforma para clube de assinaturas

Os clubes de assinaturas não são uma novidade. O que mudou é que esse tipo de negócio está mais moderno. Esse modelo de negócio consiste, basicamente, em atuar de maneira recorrente. O que significa que existe uma periodicidade de pagamento e recebimento.

Hoje, quem quer oferecer um serviço como esse pode usar uma plataforma para clube de assinaturas, pois já existem diversos parceiros para facilitar que esse tipo de negócio seja colocado em prática com inovação.

Se você quer investir nesse mercado, essa é uma boa ideia, pois cada vez mais clubes vêm surgindo na busca de atender as necessidades dos consumidores. Não faltam nichos de entretenimento para todos os gostos e o seu projeto pode ser um clube de assinatura de sucesso que vai agradar um desses públicos.

O importante é oferecer um diferencial. Inclusive, escolhendo a plataforma certa para o negócio funcionar.

Como montar um clube de assinatura

Nesse tipo de negócio, seus clientes podem assinar, por um valor fixo, e receber semanalmente, mensalmente ou anualmente, por exemplo, produtos selecionados pela sua empresa, em casa.

Já existem empresas que atuam com esse formato para cosméticos, comidas, bebidas alcoólicas, itens de filmes e séries e muitos outros. O que caracteriza esse modelo são os produtos selecionados, que podem já ser conhecidos do cliente ou surpresa, a comodidade de receber em casa, a exclusividade que só aquele clube entrega e a cobrança recorrente.

Algumas das vantagens desse modelo de negócio são:

  • A fidelização dos clientes por um contrato mais longo, diferentemente de uma única venda.
  • A previsibilidade do seu fluxo de caixa, por receber de maneira contínua.
  • O controle de custos, já que você sabe o quanto vai vender a cada período e recebe o pagamento antecipado.
  • A facilidade no gerenciamento de estoque, por saber exatamente o que os assinantes vão consumir.

Antes de montar um clube de assinaturas, entretanto, é importante seguir alguns passos para montá-lo de maneira correta. Listamos os mais importantes abaixo:

1.  Defina o seu produto

Para isso, é interessante fazer uma pesquisa de mercado para descobrir as necessidades de cada público.

Você pode pensar nos públicos que consomem produtos exclusivos conforme o seu nicho, até mesmo analisando os clubes de assinatura já existentes. O mercado geek (fãs de tecnologia, super-heróis e histórias em quadrinhos, apaixonados por livros, games e cinema), por exemplo, é um grande consumidor.

O ideal é oferecer algum produto que não possa ser encontrado com facilidade, mas antes de já investir em estoque, plataforma e divulgação, procure saber se a sua escolha realmente é promissora, se existe um público que vai querer participar do seu clube. Do contrário, você pode perder dinheiro.

Então, planeje com cautela e vá devagar. Faça pesquisas e testes para avaliar a aceitação do seu produto, para seguir para os próximos passos com segurança.

2.  Determine o valor da assinatura do produto

O preço de venda vai depender do produto e da quantidade de assinantes. Inclua os custos com logística, frete, marketing, o produto em si. Pense nos custos como se fosse um e-commerce mesmo.

Para ficar mais fácil de administrar, crie poucos tipos de planos e dê opções para o consumidor assinar de forma mensal, trimestral, semestral e anual, oferecendo descontos e benefícios para quem escolhe os planos mais longos. O importante é deixar os planos simples de serem compreendidos e flexíveis para contratação.

3.  Estabeleça uma logística

Falando em logística, esse é um ponto muito importante para um clube de assinaturas: se você se compromete a entregar o produto mensalmente, ele precisa chegar no prazo adequado, especialmente porque os assinantes podem divulgar nas redes sociais imagens do produto recebido e quem não recebeu ainda pode não ter mais a surpresa da entrega.

Avalie o peso médio dos produtos, as medidas e os CEPs de destino em que pretende atuar e contate várias transportadoras, a fim de descobrir um preço de frete justo para o seu negócio e para o seu assinante.

Também certifique-se de que é uma transportadora de confiança, que vai cumprir os prazos prometidos.

4.  Tenha uma plataforma de pagamento recorrente

É muito importante pensar no sistema de cobrança para clube de assinatura. Como seus recebimentos serão de maneira recorrente, o ideal é contar com a automação de uma plataforma de crédito recorrente para se organizar.

Afinal, você vai precisar gerenciar pagamentos, fazer a gestão dos clientes e enviar notificações com auxílio de uma régua de cobrança. Não conte com uma planilha de Excel para fazer tudo isso não, automatize!

Muito bem, mas qual plataforma para clube de assinaturas usar?

Ebook conquistando a inadimplência zero

eBook enviado com sucesso!

Acesse seu e-mail para ler o eBook e fazer seus clientes pagarem em dia.

7 melhores plataformas para clube de assinaturas

Pense na experiência de consumo do seu assinante. Para isso, é fundamental estudar a integração entre o que o seu clube tem a oferecer com a plataforma ideal, que se encaixa com o nicho que você escolheu.

Abaixo, citamos sete exemplos. Temos certeza que algum deles certamente vai fechar com o que você planeja.

1.  Agile Commerce

Criada pela JN2, empresa que no Brasil é pioneira em Magento - um sistema web de e-commerce de código aberto -, a Agile Commerce é baseada justamente na plataforma Magento, umas das mais flexíveis do mercado e-commerce.

A empresa também oferece treinamento, suporte, manutenção, hospedagem, otimização de vendas e evolução da plataforma. São mais de 60 módulos pré-instalados, oferecendo tanto velocidade na implementação quanto atualização constante e, claro, redução de custos.

2.  Alumy

A Alumy é uma plataforma que permite a criação e o gerenciamento do seu próprio clube de assinaturas. Ela é intuitiva e fácil de interagir. Você pode construir o seu clube com a sua cara, personalizando com as ferramentas disponíveis.

3.  Betalabs

A Betalabs foi desenvolvida por alunos da FGV em 2010 e eleita como o melhor sistema de gestão pela Folha de São Paulo em 2013. Clubes famosos como YvY, Faber Castell e Tag Livros usam essa plataforma.

Ela dispensa integrações com outras ferramentas e tem a base na nuvem, tornando o fluxo mais ágil e rápido. Você pode reduzir gastos com equipes e prestadores de serviços de TI, além de contar com um layout bem amigável.

4.  Linx Commerce

Atualmente, a empresa atende mais de 50.000 empresas. A ideia da Linx é fornecer uma solução completa para vendas digitais, desde a plataforma até serviços adicionais.

Ela conta com uma equipe que está sempre incluindo novas funcionalidades. E a implementação possui o atendimento feito por agências. Desse modo, você ganha agilidade nesse processo.

5.  Signashop

A Signashop é uma plataforma da Signativa, empresa com mais de 10 anos de experiência em Magento, além de ser a plataforma mais Open-SaaS do mercado brasileiro. Oferece o desenvolvimento baseado em Magento, aproveitando toda a flexibilidade desse modelo.

Com o plano Signashop Master é possível ter as funcionalidades necessárias para vender assinaturas.

6.  Rits SignUp

Desenvolvida pela Rits, empresa focada em produtos digitais e com mais de 10 anos de mercado, a Rits SignUp é uma plataforma white label para desenvolvimento de assinaturas digitais.

Ela é aberta para integração com outros sistemas e permite novas personalizações e funcionalidades, de acordo com a necessidade do negócio do cliente. A empresa também oferece consultoria em todas as fases de implementação do sistema de assinaturas.

7.  VTEX

Essa é a plataforma líder para grandes negócios online no Brasil, atuando em mais de 24 países. Possui diversas funcionalidades, como venda omnichannel, integração com uma grande variedade de ERPs e um dos times mais importantes de e-commerce no País.

E-commerces conhecidos que usam a VTEX são O Boticário e Época Cosméticos.

Veja também: 7 ideias de clube de assinatura para cosméticos

Viu, só? Opções não faltam. Estude cada uma delas e escolha qual a ideal para clube de assinaturas e boas vendas!

O que você achou do post?

0 Respostas

Deixe seu comentário