10 tendências de clube de assinatura para 2021

Desde 2017, os clubes de assinatura vêm ganhando destaque no mercado de e-commerce, pois trazem comodidade e surpresa na seleção de itens especiais e exclusivos. Conheça mais sobre esse mercado.

Clube de assinatura

Apesar de terem se popularizado nos últimos anos, os clubes de assinaturas não são uma novidade no mercado, já que conhecemos diversas revistas que trabalham com esse sistema, oferecendo brindes mensais há muitos anos.

O que aconteceu foi a modernização, por um processo de inovação, de algo que já tínhamos, pois as assinaturas agora são recheadas de experiências que se complementam e deixam qualquer um ansioso para abrir a sua caixinha.

Se você tem interesse no ramo, saiba que é um bom investimento, pois mesmo que o modelo de negócio siga um padrão, as variedades de clubes aumentam cada vez mais, buscando saciar necessidades ou simplesmente entreter os seus consumidores.

Movimentando cerca de R$ 1 bilhão por ano, apenas no Brasil, conforme dados da ABcom, publicados no Correio Braziliense, o segmento ganha cada vez mais força no País, sendo o momento perfeito para empreender no setor. Mas lembre-se de oferecer um diferencial, certo?

Separamos alguns dos melhores clubes de assinatura para dar ideias para criação ou aperfeiçoamento do seu produto. Vem conferir!

Afinal, o que são clubes de assinatura?

Os clubes de assinatura unem dois conceitos: o e-commerce com a compra coletiva. Isso quer dizer que através de um contrato online você vai pagar todo mês um determinado valor e receberá uma caixinha mensal recheada de itens que podem variar entre livros, vinhos, maquiagens, alimentos orgânicos, cervejas, entre outros.

Além de um produto central, que normalmente corresponde a itens de qualidade maior ou com traços mais sofisticados, as caixas costumam conter panfletos informativos, mini revistas e brindes como, nos casos dos clubes de livros, marcadores de páginas, bloco de notas, miniaturas de autores consagrados, ecobags, etc.

Esse plano de negócios é ótimo para manter um fluxo de caixa com entradas constantes (pois as assinaturas costumam ser mensais, semestrais e anuais), além de serem ótimos para conquistar fidelização de clientes.

10 ideias para clube de assinaturas

Dentro dos clubes de assinatura, alguns segmentos se destacam chamando mais atenção dos consumidores devido às tendências e, por isso, possuem mais chances de sucesso.

Conheça dez tipos de assinaturas que podem ajudar você a começar um negócio do ramo. Confira!

1.  Livros

Os clubes de livros já são muito famosos por aqui, mas mesmo assim não param de crescer. Isso acontece porque as obras literárias possuem diversos gêneros e, com criatividade, é possível inovar em caixinhas personalizadas bem específicas para o seu público, como clássicos, terror ou ficção.

E vale a pena falar do mundo infantil também. Os estímulos causados pela chegada de um pacote incentiva a leitura e o conhecimento nos pequenos e, para criar um hábito e estar próximo dos filhos, é um ótimo investimento para os pais, que reconhecem esses valores.

2.  Vinhos

Segundo os dados coletados pela Synapcom, o setor de vendas de bebidas online cresceu 960% de março até outubro de 2020.

Desfrutar da própria companhia, provar diferentes vinhos e procurar as combinações perfeitas foi o hobby de muitas pessoas no ano que passou e, pelo que os números nos mostram, é um hábito que vai continuar se expandindo.

3.  Comidas saudáveis e restritivas

O ramo de alimentação também é muito vasto, permitindo a criação de clubes de assinaturas com alimentos lowcarb, veganos, sem glúten, sem lactose, coloniais, entre outros. Basta efetuar uma pesquisa e descobrir qual setor está sendo mais procurado, planejar e investir.

4.  Produtos para animais domésticos

As caixinhas para pets contemplam petiscos, rações, brinquedos, acessórios como coleiras e guias, etc. Esse ramo também cresceu em 2020, quando as pessoas ficaram mais em casa e dedicaram mais atenção aos seus pets, reconhecendo suas necessidades e valorizando-os ainda mais. Por isso, este é um nicho que tem tudo para continuar crescendo em 2021.

5.  Café

Mensalmente, o assinante poderá receber um pacote de café de uma fazenda diferente, nacional ou importado, dependendo do preço e da proposta do investidor. Além de provar diferentes grãos e torras, o cliente tem garantia de um produto de qualidade.

6.  Papelaria

Para quem ama papelaria, também é importante existir uma curadoria que encontre cadernos, agendas, blocos de notas, canetas coloridas, adesivos e tudo que compõe o universo da escrita. A expansão dessa área é devido à popularização do bullet journal e dos planners, que trazem mais organização para a rotina e redução da ansiedade.

7.  Produtos nerds

Essa é uma ótima opção para quem gosta de inovar os itens da estante. Composta por HQs, miniaturas, camisetas e demais produtos do mundo das sagas de filmes, séries e quadrinhos, a caixinha com itens nerds é sempre uma boa investida, já que os fãs estão dispostos a pagar por produtos exclusivos e colecionáveis.

8.  Clube de queijos

Um clube de queijos deve ser composto pelo alimento em estados de meia cura, curado e extra curado. Podem vir acompanhados por bebidas ou complementos que engrandeçam a experiência.

É ótimo para quem é fã de queijos, vinhos e gosta de ter momentos especiais e exclusivos com companheiros e amigos, além de ser fácil e prático para qualquer entrada ou happy hour. É um clube que costuma ser mais refinado, com um preço de venda um pouco acima das outras assinaturas e para pessoas que estão dispostas a provar novidades — o que permite uma maior margem de lucro.

9.  Cervejas

Para os amantes da cerveja, esse clube é excelente, pois trará uma seleção da bebida que varia entre artesanais, nacionais e importadas. A curadoria deve ser realizada por um sommelier especialista que encontra as melhores cervejas e ainda envia dicas de degustação.

10.  Maquiagens

A busca pela beleza e amor próprio são temas relevantes hoje em dia na internet. É fácil encontrar pessoas falando sobre o assunto ou realizando tutoriais. Com isso, ter diferentes produtos, reconhecer e apresentar novas marcas é uma forma de criar conteúdo online e incentivar a compra das assinaturas.

Clubes de assinatura que você deve conhecer

Para inspirá-lo, trouxemos três opções de clubes de assinaturas que já são famosos no Brasil. Eles correspondem a três setores diferentes que contemplam clientes diferentes, mas com preços acessíveis e produtos que tiveram consideráveis aumentos de demanda em 2020.

TAG Livros

Tag livros

A TAG Livros foi criada em 2013 e constrói uma experiência literária bem especial. Você pode receber seus livros mensais de curadoria, que são selecionados por grandes nomes do meio cult ou inéditos, que correspondem a obras nunca publicadas no Brasil. As opções de assinatura também variam entre a mensal e a anual.

Glambox

Clube glambox

O Glambox é o maior clube de assinatura de beleza da América Latina. Para participar, é necessário preencher um questionário que vai criar o seu perfil de beleza e, a partir dele, você receberá caixinhas com conteúdos de maquiagens, hidratação, skincare, etc. Outro detalhe é que você pode escolher por quanto tempo deseja ser membro do clube: um mês, seis meses ou um ano.

Petiko

Clube assinatura petiko

O Petiko entrega mensalmente uma caixa que possui itens que variam de petiscos, rações, coleiras, brinquedos e muita novidade do mundo pet. Aqui, os produtinhos também são selecionados através do cadastro, indicando sexo, idade, raça e características para que os itens da caixa sejam de acordo com as necessidades do bichinho. Entre os planos há as opções mensais, semestrais e anuais.

E então, o que achou? Vale a pena investir em uma das dez ideias?

Lembre-se que a Cobre Fácil facilita a sua gestão de recebimentos no ramo dos clubes de assinatura, através da indicação de pagamento de mensalidades.

Essa é uma ótima chance de trabalhar em algo que você gosta e sempre quis, colocando um pouquinho do seu conhecimento e realizando uma seleção de produtos exclusivos e com qualidade que vão valorizar a sua marca.

O que você achou do post?

2 Respostas

Deixe seu comentário